ENTRE EM CONTATO
11 4806-0671
contato@qsconsultoria.com.br

GESTÃO DA MANUTENÇÃO INDUSTRIAL: INDICADORES DE DESEMPENHO

indicadores_gestão_manutenção

A Gestão da Manutenção Industrial tem com principal objetivo promover a maior disponibilidade e desempenho das máquinas e equipamentos. Dessa forma, garantindo o perfeito funcionamento da produção e contribuindo para o ROI da indústria. Tendo esse objetivo claro, cria-se um plano de gerenciamento e controle para determinar as ações e projetos que serão realizados para que se alcance estes objetivos.

Mas como saber se você está no caminho certo? Se o plano está sendo eficiente ou se precisa revisar alguma ação ou processo de trabalho? Neste momento, o que é importa são os famosos KPI’s ou Indicadores de Performance. É através do monitoramento destes indicadores que conseguimos saber se iremos alcançar os objetivos definidos. Por meio das ações, projetos e processos de trabalho traçados no planejamento da gestão da manutenção.

Os Indicadores de Desempenho de manutenção

Existem diversos indicadores para a área de manutenção que são utilizados mundialmente. As empresas optam por determinados indicadores de acordo com a complexidade da operação e nível de maturidade da gestão da manutenção na organização. Aqui eu vou mostrar para vocês os 3 principais indicadores de desempenho da manutenção industrial. Estes são os indicadores básicos adotados por todas as empresas que já possuem uma gestão da manutenção.

manutenção industrial

MTBF (Mean Time Between Failures): Tempo Médio Entre Falhas

MTBF = tempo total do bom funcionamento em um período / número de falhas

Este indicador irá mostrar uma média de tempo em que irá ocorrer uma falha naquele equipamento.

Exemplo:

Uma máquina que opera 2 turnos, totaliza 16 horas de disponibilidade (960 minutos). Se neste período ocorrer 3 falhas com os respectivos tempos de duração: 40, 10, 50, teremos um total de 100 minutos parados. Com esses dados o calculo será assim:

MTBF = (960 – 100) / 3 = 286,66

Isso significa que a cada 286,66 minutos pode ocorrer uma falha.

MTTR ( Mean Time To Repair): Tempo Médio para Reparos

MTTR = total de horas de parada causadas por falhas / número de falhas

Este indicador irá mostrar uma média de tempo em que a máquina ficará parada durante um trabalho de reparo.

Exemplo:

Utilizando os mesmo dados do exemplo anterior, 16 horas de disponibilidade (960 minutos), e  3 falhas com os tempos de duração: 40, 10, 50

MTTR = (40 +10 +50) / 3 = 33,33

Isso significa que cada vez que ocorrer um reparo nesta máquina, ela ficará parada por aproximadamente 33 minutos para reparo.

A (AVAILABILITY): Disponibilidade

A = tempo disponível / (tempo disponível + tempo indisponível)

Este indicador irá mostrar a probabilidade de uma máquina estar disponível para  operar, e como já falamos aqui, que este é o maior objetivo da manutenção, portanto quanto maior for este número melhor.

Exemplo:

Utilizando os mesmo dados do exemplo anterior, 16 horas de disponibilidade (960 minutos), e  100 minutos parada por falha, temos: Disponibilidade = 860 / (860 +100) = 0,895 = 89,5%. Isto significa que está máquina estará disponível por 89,5% do seu tempo total de disponibilidade. Este cáculo também pode ser feito utilizando a fórmula A = MTBF / (MTBF + MTTR) x 100, você verá que o resultado é o mesmo: Disponibilidade = 286,66 / (286,66 + 33,33) * 100 = 89,5%

Quais indicadores são utilizados na sua empresa? Conta para gente nos comentários.


qsmobile_manutenção_apontamento parada de máquina2

Apontamento de Parada de Máquina no aplicativo móvel do Q4-ERP

O que custa mais para a sua empresa, manter uma boa gestão da manutenção com profissionais capacitados e ferramentas necessárias ou parar a linha de montagem do seu cliente por que uma máquina está quebrada?

A QS possui uma solução para a gestão da manutenção integrada ao chão de fábrica que permite por exemplo, planejar a manutenção preventiva baseada nas horas de produção de uma máquina ou então saber os materiais utilizados nos serviços de manutenção para apuração de custos, entre outros recursos.

Se quiser saber mais sobre nossa solução clique aqui para conhecer os benefícios.

About The Author

Equipe de Conteúdo QS

Nossos conteúdos são produzidos por especialistas nas diversas áreas da Indústria. A QS está em constante busca por informações e atualizações sobre tecnologia e Gestão Industrial, com o objetivo de trazer a melhor informação para os clientes.

Blog Comments

Estou precisando elaborar graficos dos indicadores, terão uma sugestação ao nivel do excel?
.

Olá Eduardo, não temos nenhum material para te ajudar nesse caso, mas se tiver interesse em conhecer, temos uma ferramenta que gera esses indicadores automaticamente https://goo.gl/vZNQUY

Olá.
Só uma correção: o MTTR é a sigla para Mean Time To Repair e não Mean Time Between Repair.
Abraços

Opaaa obrigado pela observação Thiago.

O cálculo da disponibilidade não seria= MTBF/(MTBF + MTTR) ?

Oi Larissa, sim o cálculo da disponibilidade pode também ser feito através dessa fórmula, na verdade as duas dão o mesmo resultado. Atualizamos o post com essa informação. Obrigada pela contribuição.

Gostei da paginas e goataria de receber novidades

Add a comment

*Please complete all fields correctly

Veja também outros artigos recentes

Posted by qsconsultoria | 06/12/2019
Para ter um produto bem fabricado e possuir informações para garantir uma boa gestão industrial é essencial investir na configuração da estrutura de produto. Essas informações documentas e de fácil...
planejar gestão da manutenção industrial
Posted by qsconsultoria | 27/11/2019
Uma boa gestão da manutenção industrial é essencial para o desempenho de um negócio. Através da manutenção, é possível manter o pleno funcionamento do chão de fábrica, assim evitando perdas...
processos que impactam a rastreabilidade de produto
Posted by qsconsultoria | 21/11/2019
Imagine que você comprou um carro novo e algum tempo depois recebe uma notificação de recall informando que foi identificado um problema que pode impactar na segurança do seu veículo....