ENTRE EM CONTATO
11 4806-0671
contato@qsconsultoria.com.br

REDUÇÃO DE CUSTOS ATRAVÉS DA MANUTENÇÃO, SIM É POSSÍVEL!

REDUÇÃO DE CUSTO ATRAVÉS DA MANUTENÇÃO

Estamos passando por um momento crítico, onda a busca por redução de custos e o melhor aproveitamento dos recursos é o principal assunto dentro das empresas. Mas antes de tomar uma decisão para reduzir custos, é preciso saber onde os recursos estão sendo alocados para fazer uma boa análise do que pode ser realocado ou eliminado. Você consegue identificar estes custos na sua empresa hoje: 

  • Custo de uma máquina parada?
  • Custo de serviços de terceiro para manutenção especializada?
  • Custos de materiais e equipamentos utilizados na manutenção?
  • Custos com recursos humanos alocados na manutenção?
  • Participação da manutenção no custo final do seu produto?

Quando o tema é reduzir custos a primeira opção que vêm a mente dos gestores é reduzir custos fixos, normalmente começam com a redução de mão-de-obra, negociam contrato de fornecimento de matéria-prima e as vezes chegam até ao cafezinho na busca por economizar dinheiro e cortar itens da lista de contas a pagar. O que as pessoas não se atentam é que melhorar processos também é um forma de economizar dinheiro, e uma forma sustentável. Se você demitir um funcionário por que houve uma queda na demanda, haverá uma redução de custos, porém temporária pois assim que a demanda for retomada você precisará repor aquele profissional e a medida que a sua receita subir os seus custos também subirão novamente. Se você realizar uma melhoria em algum processo que forneça o mesmo resultado porém utilizando menos recursos, aí sim você estará tendo uma redução de curtos sustentável, pois independente da demanda você melhorou a forma como o processo é feito, e isso se manterá no longo prazo e irá gerar mais valor para o seu negócio.

Como a manutenção pode contribuir com a redução de custos?

As empresas que conseguem enxergar a gestão da manutenção como uma área estratégica para empresa, são capazes de melhorar o desempenho e disponibilidade das suas máquinas e assim reduzir custos de forma sustentável, não temporária, contribuindo para o aumento da rentabilidade do negócio. Vou te dar alguns exemplos de como a gestão da manutenção pode ter um papel muito importante na redução de custos dentro da sua empresa executando um trabalho de planejamento e melhorando os processos e controles.

1.Reduzindo as paradas de produção

As paradas inesperadas de produção reduzem a eficiência da operação e geram atrasos nas entregas. Estes fatores tem impacto direto da produtividade e no atendimento ao cliente. Com um planejamento e controle de manutenção é possível reduzir estas paradas inesperadas aumentando o desempenho e a disponibilidade das máquinas e com isso reduzir as paradas não programadas. Você sabe quanto sua empresa poderia economizar se reduzisse as paradas não planejadas de máquinas?


qsmobile_manutencao_industrial

A QS possui um solução para a gestão da manutenção integrada ao chão de fábrica que permite por exemplo, planejar a manutenção preventiva baseada nas horas de produção de uma máquina ou então saber os materiais utilizados nos serviços de manutenção para apuração de custos, entre outros recursos.

Clique aqui para conhecer os benefício

 


 

2.Reduzindo os custos não planejados

Os serviços de manutenção não planejados levam a compras de materiais e requisição de serviços técnicos de última hora, o que em muitos casos aumenta consideravelmente estes custos em função da urgência e também do tempo extra que se perde aguardando os recursos necessários para executar o serviço. Ao fazer um planejamento de manutenção preventiva, a necessidade de serviços e materiais não planejados diminui e consequentemente estes custos também. Você sabe quanto sua empresa poderia economizar se melhorasse o planejamento das compras?

3.Melhorando o controle do ciclo de vida dos ativos

Aquele velho ditado de “o que não se mede não se gerencia” também se aplica aqui. Para fazer um bom trabalho preventivo é preciso criar um planejamento de ações, com roteiros de manutenção, calendário de ações e principalmente registrar tudo que está sendo feito para gerar dados analíticos para tomadas de decisão de mudanças de estratégias, de investimento em novos ativos. Ao controlar as atividades você gera dados que se transformam em informação para tomadas de decisões estratégicas que tem impacto direto nos custos e na rentabilidade do negócio, por exemplo uma decisão de qual é o momento para investir em um novo ativo. Você sabe o quanto sua empresa poderia economizar se tivesse um bom controle dos ativos e do seu ciclo de vida?

4.Aumentando a visibilidade das despesas

Para controlar e reduzir custos é preciso saber de onde eles estão vindo. Com uma gestão da manutenção dados como horas de trabalho e materiais utilizados na execução de determinado serviço em uma máquina ficam registradas e geram informações para análise da alocação de recursos, esta visibilidade permite que estes recursos sejam realocados de forma mais eficiente para reduzir custos. Você sabe o quanto a sua empresa poderia economizar se tivesse um bom controle das atividades de manutenção e alocação dos recursos?

Quando existe uma área responsável pela gestão da manutenção dos ativos da empresa, e está área conta com pessoas e ferramentas para trabalhar no planejamento e controle das atividades, as ações vão deixando de ser reativas (apagar incêndio) e passam a ser mais pró-ativas (planejadas). Desta forma os processos começam a ser melhorados e a redução de custos acontece de maneira sustentável, resultando em maior rentabilidade para o negócio.

Por isso quando você for propor uma solução para redução de custos ou tomar uma decisão em relação à isso, faça a seguinte pergunta: “estou melhorando algum processo com essa ação?“. Em alguns casos é necessário simplesmente cortar algum custo ou despesa fixa sem que ocorra nenhum melhoria em processo, mas sempre que possível, olhe para seus processos internos e tente entender como as diferentes áreas dentro da empresa podem ter uma papel mais estratégico através de processos mais planejados e organizados para maximizar a rentabilidade do negócio.

Você concorda que a gestão da manutenção pode ser uma grande aliada na redução de custos? E na sua empresa, vocês tem gestão de manutenção ou gestão de “apagar incêndio”?

About The Author

Equipe de Conteúdo QS

Nossos conteúdos são produzidos por especialistas nas diversas áreas da Indústria. A QS está em constante busca por informações e atualizações sobre tecnologia e Gestão Industrial, com o objetivo de trazer a melhor informação para os clientes.

Blog Comments

Ótimo!

Que bom que gostou Rudney!

Add a comment

*Please complete all fields correctly

Veja também outros artigos recentes

Posted by qsconsultoria | 06/12/2019
Para ter um produto bem fabricado e possuir informações para garantir uma boa gestão industrial é essencial investir na configuração da estrutura de produto. Essas informações documentas e de fácil...
planejar gestão da manutenção industrial
Posted by qsconsultoria | 27/11/2019
Uma boa gestão da manutenção industrial é essencial para o desempenho de um negócio. Através da manutenção, é possível manter o pleno funcionamento do chão de fábrica, assim evitando perdas...
processos que impactam a rastreabilidade de produto
Posted by qsconsultoria | 21/11/2019
Imagine que você comprou um carro novo e algum tempo depois recebe uma notificação de recall informando que foi identificado um problema que pode impactar na segurança do seu veículo....