ENTRE EM CONTATO
11 4806-0671
contato@qsconsultoria.com.br

NORMA IATF 16949: AS 5 MUDANÇAS QUE VOCÊ PRECISA SABER

iatf_16949_principais mudanças

Neste ano já cheio de desafios para as indústrias, além das mudanças na ISO 9001:2015, as empresas certificadas pela ISO TS 16949 precisam de preparar para fazer a transição até 14 de setembro de 2018, para a norma IATF 16949. A partir desta data a ISO-TS deixará de ter validade.

A IATF é a responsável por definir os requisitos dos sistemas de qualidade no setor automotivo, e a partir de agora não será mais vinculada com a ISO para ter mais independência na definição das suas próprias regras. Esta nova versão da norma de qualidade exige muito mais amadurecimento da gestão. Para você entender um pouco o que muda, explicamos aqui as 5 principais mudanças da IATF. Se quiser saber mais detalhes sobre essas mudanças preparamos também um treinamento em vídeo, clique aqui para assistir.

As 5 principais mudanças da IATF 16949

1. Contexto da organização

O sistema de gestão deve ser totalmente personalizado conforme o tipo de mercado de atuação da empresas, e não mais um sistema  de gestão genérico. Devem ser consideradas para a análise as partes interessadas – clientes, fornecedores, colaboradores, acionistas; as questões Internas – como a empresa está operando neste momento; e as questões Externas – concorrentes, mudanças de tecnologia. A ferramentas SWOT é sugerida para a realização destas análises de contexto da organização.

2 . Gestão de Risco

Com base nos riscos e oportunidades identificados através da análise do contexto da organização, a empresa deverá estabelecer um plano de ação para: eliminar o risco; reduzir o impacto do risco ou assumir o risco.

3. Segurança do Produto

As empresas consideravam o item segurança do produto somente quando o cliente identificava que aquele era um item de segurança. Agora, se durante o desenvolvimento do processo a empresa identificar que o item é de segurança, automaticamente ela deverá seguir um  processo documentado sobre a gestão de segurança referente ao produto e ao processo de fabricação que incluem:

  • Identificação de requisitos regulamentares
  • Notificação ao cliente sobre requisitos aplicáveis
  • Aprovação de DFMEA
  • Identificação de características especiais de segurança
  • Identificação e controles das características de segurança relacionadas com o produto e na manufatura
  • Aprovação especial dos planos de controle e PFMEA
  • Planos de Reação
  • Fluxo de responsabilidades definidas
  • Treinamentos específicos
  • Mudanças de produto ou processo devem ser aprovadas antes da implementação
  • Transferência de requisitos em toda a cadeia
  • Rastreabilidade por lote em toda a cadeia – incluindo os fornecedores
  • Lições aprendidas em novos produtos

+LEIA MAIS: O que é e como funciona a rastreabilidade

4. Representante da Direção

A figura do RD – Representante da Direção foi extinta e agora estas responsabilidade passam a ser da direção. O objetivo desta mudanças e fazer com que a gestão da empresa fique mais envolvida com o sistema de gestão da qualidade e inclusive deverá participar das auditorias e responder por alguns processos.

5. Planejamento de Mudanças e Mudanças Temporárias no Processo

As mudanças eram realizadas na Ata de Análise Crítica, agora qualquer mudança que tenha impacto no sistema de gestão da qualidade, como por exemplo: mudanças de layout, ampliação de linha, de organograma, redução de quadro de funcionário etc. Deve-se realizar um planejamento das mudanças, verificando os riscos envolvidos e assim determinar ações para impactar minimamente o cliente e o sistema de gestão.

Quer saber mais sobre essas mudanças? Preparamos um treinamento em vídeo com mais detalhes de cada umas destas 5 mudanças, clique aqui para assistir.


qsmobile_apontamento_de_produção_erp

Quando chegar a hora de organizar os processos operacionais para atender a IATF nós podemos te ajudar. Com o Q4-ERP, software de gestão especialista em indústrias do setor automotivo, você ganha mais confiabilidade nos processos e atende a norma e os seus cliente com mais facilidade.

Se quiser ver na prática como, solicite uma demonstração personalizada clicando aqui e de nossos consultores irá entrar em contato com você.

About The Author

André Spiandorello

Formado em Metalurgia, Bacharel em Administração de Empresas e MBA em Engenharia da Qualidade. Com 22 anos de experiência na área de Gestão da Qualidade, trabalhou na gestão de empresas nacionais e multinacionais nos seguimentos de auto-peças, eletro-eletrônicos, alimentício e de energia. Auditor Líder ISO/TS 16949 e ISO 9001:2008 certificado pela RAB e AIAG. Certificado Black Belt (Seis Sigma), Coordenador de vários processos de certificação dentre eles , ISO 9001:2008; QS 9000 e ISO/TS 16949. Atualmente presta consultoria a empresas de diversos segmentos nas áreas de gestão da qualidade e melhoria de processos.

Adicionar comentário

*Preencha todos os campos corretamente

Veja também outros artigos recentes

eficiência produtiva
Posted by qsconsultoria | 14/05/2020
Mesmo com tantos avanços na tecnologia, ainda é comum que indústrias de diferentes tamanhos enfrentem problemas que afetam a eficiência produtiva. Essas questões fundamentais são: a gestão das informações, de...
controle de produção industrial
Posted by qsconsultoria | 07/05/2020
Durante os mais de 20 anos trabalhando com implantações de sistemas de gestão ERP em indústrias de manufatura, percebemos que alguns problemas de controle de produção são comuns, por exemplo,...
benefícios do erp na nuvem
Posted by qsconsultoria | 22/04/2020
Se havia alguma dúvida quanto a importância das tecnologias em nuvem para trabalho remoto e colaborativo, o cenário atual elevou a discussão a outro nível. Neste período, cada vez mais...