ENTRE EM CONTATO
11 4806-0671
contato@qsconsultoria.com.br

Por que investir na configuração da estrutura de produto

Posted by QS Consultoria | 07/05/2018 | BLOG, GESTÃO INDUSTRIAL

Para ter um produto bem fabricado, assim como informações para conseguir fazer uma boa gestão industrial é imprescindível investir na configuração da estrutura de produto. Ter esta informação documentada e de fácil acesso é importante já que ela é a base para todo o controle de estoque, o cálculo de necessidade de materiais para produção e a apuração de custo de produção. Então neste artigo vamos falar um pouco sobre a importância de investir da configuração, documentação e automatização da estrutura de produto.

Mas antes… o que é estrutura de produto?

A estrutura de produto é também conhecida como Lista de Materiais ou pela sigla em inglês BOM – Bill of Material, e consiste em uma lista de matérias-primas, componentes e sub-conjuntos e as suas respectivas quantidades necessárias para produzir um produto acabado.

Esta estrutura pode ter dois formatos. A estrutura de produto simples lista em um único nível todos os materiais necessários para fazer a montagem do item. Já a estrutura de produto multi-nível,  apresenta de forma hierárquica a relação pai-filho dos itens que compõe essa estrutura e as múltiplas montagens necessárias para se chegar no produto final, veja um exemplo abaixo.

Exemplo de estrutura de produto multi-nível

Demo_estrutura de produto multi-nívelPor que investir na configuração da estrutura de produto?

Algumas destas situações acontecem na sua empresa:

  • Falta de materiais para produção;
  • Excesso de estoque de materiais pouco utilizados;
  • Muito estoque em processo;
  • Dificuldade de saber o que precisa ser comprado para atender um pedido

Estas situações são alguns dos reflexos negativos que a falta de estruturas de produto bem definidas e organizadas podem trazer para a gestão da sua indústria. Mas neste artigo vamos focar nos pontos positivos que a sua empresa pode ganhar ao investir na configuração da estrutura de produto.

1.Controlar estoques de forma eficiente

Para ter um controle de estoque eficiente, é necessário saber os materiais que estão sendo utilizados na produção, entrando e saindo do almoxarifado, e não apenas controlar as notas fiscais de entrada e saída. Neste sentido, a estrutura de materiais é o pilar do controle de estoque pois é através dela que é possível identificar os materiais que foram ou que serão utilizados para produzir determinado produto acabado, e realizar as baixas de estoque corretamente.

+LEIA MAIS: 7 passos para um controle de estoque eficiente

2.Calcular necessidades corretamente

Assim como a estrutura de produto é o pilar do controle de estoque, ela é também o pilar no cálculo de necessidade de materiais. Para calcular o que é preciso comprar ou produzir de item intermediário para atender os pedidos do cliente é preciso saber quais matérias-primas e componentes são necessários, e esta informação esta documentada na estrutura do produto. Se você pretende utilizar o MRP para automatizar o cálculo de necessidade de materiais na sua indústria, a configuração das estruturas de produto é o primeiro passo.

+LEIA MAIS: MRP – O que é para que serve e quais os benefícios

3.Controlar as perdas no processo

Na estrutura de produto também podem ser definidos percentuais de perda de cada item que compõe esta estrutura, isso permite que você planeje melhor as quantidade de cada matéria-prima já considerando a perda. Além disso, esta informação será cobrada no Bloco K do SPED Fiscal.

4.Apurar os custos de produção

E é claro que a estrutura de produto também é a base para a apuração de custos de produção. É através dela que pode-se saber os materiais consumidos pela produção que é parte da apuração dos custos de produção.

+LEIA MAIS: Como apurar custos de produção na prática

5.Garantir a rastreabilidade do processo

A estrutura de produto também é a espinha dorsal da rastreabilidade de produtos na indústria. É através dela que é possível saber quais os materiais foram utilizados para a produção de um produto, ou a rastreabilidade reversa, quais produtos utilizaram determinada matéria-prima.

6.Atender o Bloco K do SPED Fiscal

Além dos motivos citados anteriormente, que auxiliam na melhora da gestão industrial, configurar a estrutura de produto agora é também uma obrigação fiscal. O Bloco K do SPED Fiscal exige que seja informado o Consumo Padronizado de cada item produzido pela indústria, que nada mais é do que a lista de materiais ou estrutura de produto.

EBOOK: Tudo o que você precisa saber sobre o Bloco K do SPED Fiscal

As dificuldades de gerenciamento de listas técnicas de nível múltiplo no Excel

Criar e gerenciar estruturas de produto em planilhas excel é comum para pequenas indústrias que estão começando a gerenciar estas informações. Porém, apesar de gratuito e fácil de usar inicialmente, as planilhas em excel podem se tornar um pesadelo quando as estruturas se tornam mais complexas ou o volume de itens produzidos aumenta.

Imagine que um componente que é comum a vários produtos acabados sofre uma modificação e você precisa revisar todas as estruturas de produto que contém este componente, quanto tempo você gasta para fazer isso em planilha? Qual o risco que você correr de deixar passar algum produto e não atualizar a sua estrutura, e acabar produzindo com a estrutura errada?

Se você está planejando usar o Excel para gerenciar suas estruturas de produto multi-nível há algumas perguntas que precisa fazer a si mesmo:  você consegue mitigar os riscos de entrada de dados manual? A dificuldade de analisar informações como custo de cada componente, pode ser um problema para sua empresa no futuro?

Como o Q4-ERP te ajuda a gerenciar estrutura de produto de forma fácil e confiável?

O Q4-ERP Industrial possui recursos para a criação e gerenciamento de estruturas de produto multi-nível que possibilita criar uma estrutura complexa com relação pai-filho em pouco tempo. Além disso também faz todo o controle de versão para garantir a rastreabilidade completa do processo de fabricação. Possui recursos para facilitar a atualização em lote em casos de troca de componente comum a varias estruturas.

cta_fale_consultor

About The Author

QS Consultoria

A QS Consultoria é uma empresa especializada em desenvolvimento de sistema de gestão integrado ERP para industrias de manufatura. Nossas soluções foram desenvolvidas para atender as exigentes demandas da cadeia automotiva e estão no mercado há mais de 20 anos com resultados comprovados por nossos clientes.

Add a comment

*Please complete all fields correctly

Veja também outros artigos recentes

Posted by qsconsultoria | 26/07/2018
O faturamento é um dos processos mais críticos dentro das indústrias e que de forma alguma pode tornar-se um gargalo. Se no momento da emissão da nota fiscal algo sair errado,...
Posted by qsconsultoria | 16/07/2018
De acordo com o relatório ERP 2018 da consultoria Americana Panorama, especializada em implantação de ERP, 64% das organizações entrevistadas que implantaram sistema ERP recentemente reportaram que gastaram mais dinheiro do...
Posted by qsconsultoria | 02/07/2018
Conectividade, digitalização e indústria 4.0 são os termos do ano 2018 para as indústrias, ou seja, o foco agora é automatização da produção. Uma pesquisa publicada pela Automotive Business sobre...